Jornal de Bairro em Bairro

 

Quarta-feira, 22 de Agosto de 2018

21/06/2016 09:39:47
Imprimir

Câmara barbarense sedia Audiência Pública da ALESP para debater orçamento do Estado

Pela primeira vez na sua história, a Câmara de Santa Bárbara d’Oeste sediou uma Audiência Pública para debater o Orçamento do Estado. Por iniciativa da Comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento, da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (ALESP), moradores da Região Metropolitana de Campinas apresentaram suas sugestões de emendas ao projeto orçamentário, em reunião conduzida por Cezinha de Madureira (DEM).

A Mesa que conduziu os trabalhos nesta manhã contou também com a participação do presidente do Legislativo barbarense, Edison Carlos Bortolucci Júnior, o Juca Bortolucci (PSDB), do vice-presidente, Felipe Sanches (PSC), do 2º secretário, Celso Ávila, e dos vereadores Antonio Carlos de Souza - o Antonio da Loja (PR), Fabiano Ruiz Martinez - o Pinguim (DEM), além do pastor Eliseu Virgínio da Silva.

Segundo Felipe Sanches, o primeiro parlamentar a fazer uso da Tribuna, a conclusão do corredor metropolitano é uma das demandas mais importantes da cidade, por facilitar a mobilidade urbana. Ele ainda solicitou mais recursos para a saúde pública e isenção de pedágio para pacientes oncológicos. Em seguida, o presidente da Câmara barbarense, Juca Bortolucci, destacou a necessidade da construção do hospital regional em Santa Bárbara d’Oeste e recuperação da SP-304, no trecho que liga a rodovia Anhanguera e Piracicaba.

Já o vereador Celso Ávila pediu mais veículos para a Guarda Municipal, mais leitos hospitalares e aparelho de ressonância magnética na área de saúde do Município, além da revitalização do Centro Social Urbano. Também presente na Audiência, o vereador Antonio Carlos Ribeiro, o Carlão Motorista (PDT), propôs recuperação de Unidades Básicas de Saúde e de creches.

 

Cultura e educação

 

O segmento da cultura foi abordado pelo vereador Giovanni Bonfim (PDT), que também prestigiou a reunião. Dentre as propostas desse parlamentar estão a retomada das oficinas culturais e instalação de unidade avançada do Conservatório Musical de Tatuí em Santa Bárbara d’Oeste.

Lays Ramires, do Fórum do Interior, Litoral e Grande São Paulo, falou em defesa da cultura no Estado. Pleiteou a liberação de R$ 53 milhões de recursos destinados ao Proac Editais, aprovados pelo legislativo estadual, mas contingenciados pelo governo do Estado. Ela lembrou que esse programa cultural atingiu mais de um milhão de espectadores, gerando cerca de 70 mil empregos. Representante da Associação Piracicabana de Teatro, João Scarpa reforçou as palavras de Lays.

Diretor regional do Sindicato dos Trabalhadores do Centro Paula Souza, Rafael Macedo disse que a perda salarial da categoria é grande, ressaltando que esses servidores vão completar três anos sem reajuste. Dessa forma, ele pediu aumento salarial e implantação de auxílio-alimentação.

Branca Paulino, diretora do Diretório Central dos Estudantes da Fatec, destacou que a instituição é a maior faculdade pública do país, com unidades em todo o Estado. Ela pediu investimentos de 3,3% do ICMS no Centro Paula Souza.

 

Vida saudável

 

Também presente no evento, Paulo Bacchin, da Associação Pró-Ambiente de Santa Bárbara d’Oeste, comentou a poluição que aflige a bacia do rio Piracicaba, e assim sugeriu verbas para saneamento básico e recuperação de matas ciliares. Vida saudável foi o tema de Eduardo do Vale, do Pedala SBO, que sugeriu incentivo ao uso da bicicleta, para minimizar a poluição e melhorar o trânsito.

Katia Ferrari, da SOS Animais, informou que a ONG tem cuidado de animais pertencentes a moradores de área ocupada no Município e reivindicou verbas para aquisição de um veículo e de equipamentos. A Rede Feminina de Combate ao Câncer foi representada por Carla Bueno, que propôs a destinação de verba específica para a oncologia.

 

Agricultura e acolhimento

 

O engenheiro Ricardo Paterniani, da Coordenadoria de Assistência Técnico Agropecuária (Cati), vinculada à Secretaria de Agricultura e Abastecimento, explicou que o território coberto pela coordenadoria na região é muito grande. "São necessários recursos para um local maior voltado a reuniões, aquisição de mais veículos e capacitação de profissionais", disse.

Para Gil Cones, presidente da Casa da Criança, a grande preocupação hoje se volta para os mais carentes. Em virtude disso, ele pediu mais atenção ao segmento de assistência social.

 

Ao fim do evento, Cezinha de Madureira anunciou o resultado de plenária feita junto aos participantes que elegeram as prioridades da região. Em primeiro lugar a educação, seguida de saúde e cultura. Dentre os vereadores barbarenses, também participaram da audiência Ducimar Cardoso - o Kadu Garçom (PR), Emerson Luis Grippe - o Bebeto (SD), Gustavo Bagnoli (PSDB), José Antonio Ferreira - o Dr. José (PSDB), Valmir Alcântara de Oliveira - o Careca do Esporte (PROS) e Wilson de Araújo Rocha – o Wilson da Engenharia (PSDB).

Imprimir

Jornal Virtual

Jornal Digital

Patrocinadores

Anúncios

Rua Joaquim de Oliveira - 718 - Centro - CEP: 13450-038 - Santa Bárbara d'Oeste- SP


Telefone: (19) 3463-1920 ou 3455-2437
Desenvolvido por